27 de outubro de 2011

Pequenina, mas obra divina, obra divina.

Essa é a mulher
 que te rouba as armaduras.
Tem lábios de coração
que entregam um sorriso diamante.
 
Carrega uma rosa no peito.